TV Trip, as senhoras que receberam gás de pimenta, os leitores Lucas e Daniel e minhas questões

Maria Frô
Por Maria Frô maio 24, 2011 19:53 Atualizado

A TV Trip também fez um vídeo da repressão da polícia militar do Estado de São Paulo e mostra que até mesmo os passantes que sequer estavam na marcha foram atingidos, como duas senhoras que afirmam que estavam indo trabalhar.

O leitor Lucas achou pouca a repressão policial:

“Muita bordoada em maconheiro e (sic) pouco, liberar maconha já pensou um absurdo destes? depois vai liberar a coca, a heroina, o crack, aí sim morrerão inocentes pra alimentar o vicio de drogados como os maconheiros.”

Aloisio Maurício/AE

O leitor Daniel Siqueira fez o seguinte comentário no mesmo post:

“deveriam envergonhar-se por tornar esta questao social tao importante como uma questao partidaria. só serve para alienar e alimentar a sensacão de que estao utilizando esta questao para ganho politico. SOMOS UM!!!! Queremos a liberdade de uma estrutura que nao da ao individuo direito de possuir a si mesmo

Como eu não entendi bem de quem ele sente vergonha, perguntei:

1) a polícia de São Paulo não reprimiu com violência exatamente igual todas as manifestações arroladas no referido post?

2) Que Partido governa o estado de São Paulo há 17 anos?

3) O governador do estado não é responsável pela ação da polícia militar que está sob seu comando?

O governador Geraldo Alckmin reconheceu na imprensa que a polícia militar cometeu ‘um erro’ na repressão aos manifestantes do protesto que aconteceu no último sábado, na Avenida Paulista, pela liberdade de expressão (ex-Marcha da Maconha). Pergunto ao governador Geraldo Alckmin: na repressão aos meninos do passe livre (vários feridos com bala de borracha, incluindo um repórter da Folha), que lutam contra o aumento da passagem de ônibus, também não se cometeu ‘erros’?
A mesma perseguição ocorreu e pode ser vista no vídeo que reposto:

Já que o governador Alckmin declarou que ao menos em relação à Marcha da Maconha (transformada em Marcha da Liberdade de Expressão já que a Justiça pelo 4º ano consecutivo proibiu o evento) não compactua com a ação violenta da polícia militar que, pela nossas leis, deve proteger a população e obedecer às ordens do governador, poderemos aguardar medidas efetivas contra uma polícia que reprime com violência toda e qualquer manifestação pacífica que ocorre na cidade? E o governador vai pedir para apurar os demais ‘erros’ da polícia militar ocorridos em outras manifestações? Em outras palavras, quem governa o estado de São Paulo? O governador eleito pelos paulistas ou o comandante da polícia militar?

__________
Publicidade


Comentários

Comentários

Maria Frô
Por Maria Frô maio 24, 2011 19:53 Atualizado
Escrever um comentário

4 Comentários

  1. Luciana maio 24, 21:23

    O secretário de segurança pública, que é um monstro, um ser das trevas, sempre foi um covarde cruel, é escolhido pelo governador, por esse canalha que governa SP hoje. Do que ele está falando quando diz que essa não é a política do governo??? ele, como sempre, acha que a população é idiota, retardada. Esse Alckimin merece um impeachment. Se ele tivesse vergonha na cara imunda dele ele pedia pra sair!

    Reply to this comment
  2. Victor Farinelli maio 25, 13:15

    Esses falsos indignados que tentam desqualificar os manifestantes são os mesmso que acham chique a descriminalização das drogas… NA HOLANDA!! Claro, quando é na Zoropa, quando é gente branquinha e do olho azul, aí pode e é bacana, né? Esse pessoal tem síndrome de Ed Motta.

    Reply to this comment
Visualizar Comentários

Escrever um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados com*

ajude a manter o Maria Frô!

BANCO: CEF, nº 104
AGÊNCIA:  4138
OP: 013 (para depósitos feito entre a própria CEF)
CONTA : 24110-9

Fórum Semanal

Publicidade

Publicidade





Publicidade





Publicidade





Seja amigo do Barão

Seja amigo do Barão

Posts