Maria Frô - ativismo é por aqui

Maria Frô header image 2

Hildegard Angel: “Eliana Tranchesi, vítima do ‘câncer da humilhação’” Veja: Sonegar é roubar

fevereiro 25th, 2012 by mariafro

Da mesma Hildegard Angel, jornalista, filha de Zuzu Angel e irmã de Stuart Angel, ambos mortos pela ditadura militar (1964-1985) que fez campanha para Dilma Rousseff e que repudiou preconceitos contra o presidente Lula, lemos frases como esta:

(…) Pois não me venham com pedras na mão os patrulheiros falar em débitos com o fisco, pois é à Eliana que a Receita do Brasil deve muito mais. Deve a ela ter aberto os olhos e a atenção do mundo para o mercado brasileiro do luxo (…)

(..) Criou também as Dasluzetes, quando pela primeira vez vimos sobrenomes coroados brasileiros disputando, quase a tapa, o privilégio de trabalharem como vendedoras numa loja. O que dignificou também a atividade comercial, até então vista como uma profissão de segunda classe… (…)

(…) Eliana colecionou e disseminou pioneirismos no comércio do luxo e no comércio da moda,  num país em que o emaranhado de leis e o labirinto burocrático travam, enclausuram, imobilizam, praticamente invializam qualquer voo diferenciado.  Não estou com isso tentando justificar o injustificável: o drible de leis. Mas quem é do ramo sabe que é praticamente impossível para um empreendedor visionário e sonhador, que pensa longe e pensa grande, sair do lugar, crescer, se expandir, submetido a essa armadura brasileira chamada conjunto de leis fiscais e trabalhistas, que muitas vezes só funciona se bem azeitado com um combustível chamado ‘molhar-a-mão’…

Para ler o artigo na íntegra de Hildegard Angel, clique aqui.

Assim, por mais que  Hildegard Angel tenha uma trajetória que lhe permitiu tomar decisões políticas mais progressistas em termos eleitorais, seu artigo em homenagem a sua empresária inspiradora,  a meu ver, é um artigo de defesa de classe. Nele a CLT – essa ‘armadura brasileira’ – está longe de ser a garantia de direitos dos trabalhadores num país de longa trajetória escravista e pouca fidelidade à garantia de direitos constitucionais,  ao contrário, as leis trabalhistas são vistas como uma arma contra os pobres empresários ‘visionários’ como Tranchesi.

Para Hildegard Angel é a Receita que deve a Eliana, uma vítima do ‘câncer da humilhação’ e não os cofres do Estado que foram lesados em mais de 500 milhões de impostos devido a fraudes e sonegação da empresária visionária!

Quando Eliana Tranchesi passou 38 horas na cadeira (foi condenada a 94 anos) Veja publicou esta matéria Sonegar é roubar  (08/04/2009) com este gráfico que reproduzo:

Como disse Hupsel, algo vai muito mal no jornalismo brasileiro.

Leia também:
A Justiça, o pedreiro, a madame da Daslu e a conclusão de Bóris Casoy
________
Publicidade

Tags:   · · 4 Comments

Leave a Comment

Current ye@r *

4 responses so far ↓

  • Muito chocante. Tem certeza que ela escreveu isso “disputando, quase a tapa, o privilégio de trabalharem como vendedoras numa loja. O que dignificou também a atividade comercial, até então vista como uma profissão de segunda classe… (…)”??? Deve ser montagem, não é possível…

  • A Hildegard falou muita besteira nessa matéria.
    A industria da moda, a industria do luxo comete todo tipo de barbaridade e não só sonegação fiscal e cá pra nós, isso por si só já valeria cadeia que no caso da Eliane Tranchesi nem foi assim tão encarcerada, seu crime era de fácil solução, bastaria simplesmente pagar o deve ao fisco e tudo estaria resolvido.
    Mas essa industria do luxo tem outros problemas..
    1- Trabalho escravo na tecelagens e oficinas de costura
    2- Deformação da estética coletiva
    3- E o que é pior e que Hildegard não percebeu, ensina como driblar o fisco. Isso sim é o maior dos crimes.

    Se a mãe de Eliane foi uma revolucionária, se a filha colheu esse legado por que tanto dinheiro sonegado santo Cristo? Se todo brasileiro paga imposto, por que os mais ricos acham que não merecem pagar?
    Ah já sei, eles nasceram para liderar as massas ignorantes e inculta desse grande Brasil.

    Hildegard, dessa vez pisastes no tomate legal…

  • O sionista Boris Casoy,no blog do eduardo guimarães que esta o video,faz a mesma defesa da empresária,dizendo que ela foi vitrima do mensalão,foi usada para tirar o foco do escanda-lo,e que a culpa é do Lula pela sua morte.

  • FDPs sempre serão FDPs e essa aqui não consegue deixar o puleiro das loucas:
    http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=gzh3xzDeNn0