Bob Fernandes: PSDB se alia com o PR que denunciou por corrupção

Maria Frô
Por Maria Frô junho 7, 2012 11:40 Atualizado

Comentário de Bob Fernandes

06/06/2012
Há 11 meses PSDB e DEM protocolaram na Procuradoria-Geral da República um pedido para investigar corrupção no Ministério dos Transportes. Entre os citados, o então ministro Alfredo Nascimento e o deputado Valdemar Costa Neto. Ambos do PR. Há dois dias, o PSDB de José Serra selou aliança com o mesmo PR do mesmo Valdemar Costa Neto. E com a presença do mesmo ex-ministro Alfredo Nascimento na cerimônia do acordo.

O governador Perillo, do PSDB de Goiás, está cada dia mais enroscado na CPI Cachoeira/Demóstenes. A ponto do líder do PSDB, Alvaro Dias, dizer que “Perillo vai esclarecer a compra da casa”, mas “já foi atingido”. Na fila da CPI, outro enroscado: Agnelo, governador do PT em Brasília.

E assim a CPI segue no seu movimento pendular. Na sua política de redução de danos. Do tipo “se pegar um meu, eu pego um seu”. Não faltará o que pegar se e quando forem abertas as contas da Delta em todo o país. A Delta está nas obras do PAC. A Delta está nas obras de governadores dos principais partidos.

Mas não é só a Delta. Há um ano Luis Antonio Pagot foi demitido do DNIT, no mesmo Ministério dos Transportes. Na revista IstoÉ desta semana, Pagot afirma que empreiteiras foram “convidadas” a fazer caixa para a campanha de Dilma em 2010. Segundo Pagot, o caixa se encheu. Segundo Pagot, Caixa 1; dinheiro legal, declarado, e não Caixa 2…, mas com o pires rodando entre as empreiteiras.

O mesmo Pagot disse: “Todos os empreiteiros do país sabiam que o Rodoanel financiava a campanha de Serra em 2010″. Serra negou, e o PSDB anuncia processo contra Pagot. O PT também negou.

Quem acusa tem que provar o que diz. Essa é uma regra básica. Acusados não são culpados até prova em contrário. Pena que na política brasileira essa regra, a da presunção da inocência, só é invocada quando o acusador se torna alvo.

Lembremos a queda do ex-ministro dos Esportes Orlando Silva: o policial João Dias disse à revista Veja que existia um vídeo com o ministro recebendo dinheiro numa garagem do ministério. O vídeo, ao menos o vídeo, não existia. Mas a onda foi enorme. E Orlando Silva foi tragado.

Mensalão do PT, mensalão do DEM, mensalão do PSDB em Minas, a Delta, o Cachoeira, o Demóstenes, o Perillo e o Agnelo, os guardanapos do Sergio Cabral em Paris, a marginal do rio Tietê, o Rodoanel…

Tudo isso a ser julgado, ou ainda investigado. Enquanto não se prova culpa ou inocência dos envolvidos, nas eleições deste ano pense e discuta… a sua cidade.

Atentem para os currículos, ou prontuários em alguns casos, mas não embarquem no discurso moralista do partido A, B ou C. Pelo rumo dos eventos, pelo que cada partido diz e aponta sobre o outro, até prova em contrário nenhum deles têm autoridade para disputar hegemonia moral. Boa noite….

__________
Publicidade

Comentários

Comentários

Maria Frô
Por Maria Frô junho 7, 2012 11:40 Atualizado
Escrever um comentário

2 Comentários

  1. Victor Farinelli junho 7, 14:40

    Não o que é pior, se isso ou se ver o Tiririca apoiando o Serra. E a grã-finada que achava o Tiririca analfabeto agora pagando um sapo imenso prá ele.

    Reply to this comment
  2. Geralda junho 8, 00:44

    Tiririca,terá que ler Privataria Tucana, do contrário irá embarcar, na canoa furada de Tucano, quem meche com tucano só sai bicado.

    Reply to this comment
Visualizar Comentários

Escrever um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios estão marcados com*

ajude a manter o Maria Frô!


BANCO: CEF, nº 104
AGÊNCIA:  4138
OP: 013 (para depósitos feito entre a própria CEF)
CONTA : 24110-9

Fórum Semanal

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Seja amigo do Barão

Seja amigo do Barão