Para expressar a liberdade

Maria Frô - ativismo é por aqui

Maria Frô header image 4

Blogueiras no Sindicato dos Bancários em celebração ao mês de luta das mulheres

março 2nd, 2011 by mariafro
Respond

Ontem à noite eu e a jornalista Conceição Lemes (blog da Saúde do Viomundo) respondendo um  convite da presidenta Juvandia Moreira Leite estivemos na sede do Sindicato dos Bancários  para abrir as atividades que ocorrerão ao longo do mês de março em celebração ao mês de luta das mulheres.

A blogueira Helena Sepanovich, do blog Amigos do Presidente Lula, também foi convidada, mas não compareceu.

Foi gratificante falar para uma platéia tão atenta e pra minha surpresa bastante mista, achei que a temática ‘feminista’ pudesse espantar a platéia masculina, que bom que não ocorreu. Segue matéria sobre o evento e o stream publicados pela Rede Brasil Atual.

Observação os primeiros cinco minutos são de teste da twitcam.

“Dilma absolveu o PIG e jogou a blogosfera no mar”, diz Conceição Lemes em debate

Da Redação da Rede Brasil Atual

02/03/2011

Blogueiras do Maria Frô e Vi o Mundo participaram de debate em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

São Paulo – As blogueiras Conceição Lemes (Vi o Mundo) e Conceição Oliveira (Maria Frô) participaram do debate sobre política, mulheres e blogosfera realizado pelo Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e região e não pouparam críticas, nem elogios à presidenta Dilma Rousseff.

“‘Dilma absolveu o PIG e jogou a blogosfera no mar, sem boia’, afirmou Conceição Lemes, do Blog da Saúde do Vi o Mundo, sobre o fato de a presidenta ter ido ao aniversário de 90 anos do jornal Folha de S.Paulo. De acordo com ela, foi uma perda foi para o próprio campo político e que causou espanto e indignação na blogosfera, inclusive à própria blogueira.

“Nós que trabalhamos para desmontar toda a sujeira da imprensa, inclusive da Folha.
E em 45 dias de governo ela vai e faz um discurso de elogio ao jornal. Fiquei profundamente triste”, disse Conceição Lemes.

Por outro lado, Conceição Oliveira disse não estar magoada com a presidenta: “A gente sabe quem é a Dilma. A gente não brigou feio para eleger a primeira mulher presidenta do país para dois meses depois achar que fez besteira. É óbvio que a Dilma era a melhor escolha”. Ela ‘adorou’ o fato de a presidenta ter ido ao programa da apresentadora Ana Maria Braga, na Rede Globo, comparando como eventos distintos. “Hoje tinha outra significado e foi muito positivo”, disse citando pontos como o mês de março, uma história anterior com a apresentadora (que ligou para Dilma quando ela descobriu um câncer ainda no cargo de ministra da Casa Civil) e o fato de falar com a classe C.

Pelas ruas
Conceição também abordou o tema do jornalismo cidadão, o qual, para ela, deve ser baseado no debate sobre os problemas que são encontrados nas ruas . “Nossa vida está lotada de coisas a serem discutidas. Não devemos nos pautar somente pelo PIG”, critica. Ela acredita que é esta a função da blogosfera, o embate de temas que a maioria dos veículos não cobre.

Além de política, as blogueiras também falaram sobre saúde, como no caso do ex-jogador Ronaldo e sua declaração de que tinha hipotiroeidismo.

Tags:   · · · · · · · 8 Comments

Professor Emir Sader: Comunicado Sobre a Casa de Rui Barbosa

março 2nd, 2011 by mariafro
Respond

Comunicado – Sobre a Casa de Rui Barbosa
Por Emir Sader, na Carta Maior

02/03/2011

Consultado sobre a possibilidade de assumir a direção da Fundação Casa de Rui Barbosa, elaborei proposta, expressa no texto “O trabalho intelectual no Brasil de hoje”. No documento proponho que, além das suas funções tradicionais, a Casa passasse a ser um espaço de debate pluralista sobre temas do Brasil contemporâneo, um déficit claro no plano intelectual atual.

Como se poderia esperar, setores que detiveram durante muito tempo o monopólio na formação da opinião pública reagiram com a brutalidade típica da direita brasileira. Paralelamente, o MINC tem assumido posições das quais discordo frontalmente, tornando impossível para mim trabalhar no Ministério, neste contexto.

Dificuldades adicionais, multiplicadas pelos setores da mídia conservadora, se acrescentaram, para tornar inviável que esse projeto pudesse se desenvolver na Casa de Rui Barbosa. Assim, o projeto será desenvolvido em outro espaço público, com todas as atividades enunciadas e com todo o empenho que sempre demonstrei no fortalecimento do pensamento crítico e na oposição ao pensamento único, assumindo com coragem e determinação os desafios que nos deixa o Brasil do Lula e que abre com esperança o Governo da Presidente Dilma.

Rio de Janeiro, 2 de março de 2011
Professor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro

 

Tags:   · · · · · 13 Comments

Uma Conta Simples: bolsa família e taxa Selic

março 2nd, 2011 by mariafro
Respond

Devido ao ano eleitoral o valor da Bolsa Família não era reajustado desde 2009. Este ano uma parcela dos beneficiários do bolsa família terão até 45% de aumento. É motivo de comemoração, sem dúvidas, mas 7,5 bilhões para sistema financeiro significa quatro vezes mais o valor gasto com o benefício que atende 50 milhões de pessoas :(


Beneficiária do Bolsa Família Maria de Lourdes dos Santos de Jesus, moradora de em Irecê (BA), posa com seus filhos. Foto: Paula Fróes. Sedes/BA

Se o pacote completo que se anuncia vier, a saber: corte de 50 bilhões no orçamento, salário mínimo arrochado e aumento da taxas de juros, as previsões da militância petista se concretizarão:

Com a política econômica atual, corremos o risco de termos um país com duas classes bem definidas: os banqueiros e o resto.
@eduloureiro
Eduardo Loureiro

ORTODOXIA À BEIRA DE UM ATAQUE DE NERVOS

Da Carta Maior

02/03/2011)

Dilma corrige os valores do Bolsa Família e dá reajuste real ao benefício recebido por 12,9 milhões de famílias. O menor valor da transferencia de renda passa de R$ 22 para R$ 32; o maior, de R$ 200 para R$ 242. O benefício médio atual, de R$ 96, subiu para R$ 115. Famílias com filhos foram contempladas com as maiores taxas de aumento real. A reunião do Copom desta 4º feira servirá um ‘lexotan’ aos mercados. Se subir 0,5% a taxa de juro básica, a Selic, oferecerá aos rentistas um ‘tranquilizante’ da ordem de R$ 7,5 bilhões/ano; quase quatro vezes o gasto previsto com o reajuste do Bolsa Família que vai beneficiar 50 milhões de brasileiros pobres.  Aguardemos  a avaliação da mídia para cada um desses dispêndios fiscais.

 

Tags:   · · · · · · 8 Comments

Corte no orçamento de 50 bilhões, alguém tem de pagar a conta, quem?

fevereiro 28th, 2011 by mariafro
Respond

Nas eleições presidenciais de 2010 as universidades federais entraram de cabeça em defesa da candidatura Dilma, porque tinham como referência o governo FHC em relação ao governo Lula.

Entre vários documentos publicados na blogosfera que explicavam a opção das universidades pela candidatura Dilma, destaco: UFMG: Não pode haver retrocesso na política educacional, Manifesto dos Professores da UFJF em apoio à candidatura de Dilma RousseffOutro manifesto pró-Dilma PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS.

O primeiro pronunciamento da presidenta Dilma foi sobre educação onde ela reafirmava seus compromisso de campanha em defesa da educação de qualidade e de valorização dos professores. O Maria Frô comemorou aqui: Educação, ensino técnico, banda larga e combate à miséria: compromissos de Dilma e igualmente aprovou o aumento de 16% no Piso Nacional dos Professores.

Eis que hoje descubro esta matéria com 10 dias de atraso:

Corte no orçamento da União afeta universidades; na UFMG, redução da verba de custeio chega a R$ 9 milhões

Da página da UFMG

18/2/2011

Instituições de ensino superior públicas serão afetadas pelo corte de R$ 50 bilhões no orçamento geral da União anunciado na semana passada pelo governo federal. De acordo com o Ministério da Educação, os recursos destinados ao custeio e a viagens e diárias serão reduzidos em 10% e 50%, respectivamente.

Na UFMG, maior instituição de ensino superior de Minas Gerais, esse corte representará perda de R$ 9 milhões na verba destinada à manutenção da Universidade. Contudo, segundo o reitor Clélio Campolina, a principal preocupação no momento é manter o crescimento apresentado pela UFMG nos últimos anos, devido à implementação de novos cursos e vagas, frutos do Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni). Foram 26 cursos e cerca de duas mil novas vagas nos últimos três anos.

“Nossa Universidade está crescendo muito e o custo, aumentando. A notícia de um corte é preocupante”, destacou o reitor em entrevista à rádio UFMG Educativa, que foi ao ar na manhã desta sexta-feira.

Ouça a entrevista em matéria veiculada pela Rádio UFMG Educativa (104,5 FM).

Atualização: Não deixe de ler o texto do João Villaverde: Os Cortes do Governo.

Nassif desde o anúncio do corte de 50 bilhões já conversou com dois ministros: a ministra do Planejamento e o ministro da educação. Na fala de ambos, os cortes terão efeito mínimo em relação aos projetos em curso. Torço para que sim e destaco o fato da blogosfera independente e o PIG  coincidirem em alguns argumentos.

No aguardo da publicação do texto de Nassif sobre sua conversa com o ministro das cidades e sobre como 40% no corte do Programa Minha Casa, Minha Vida terão ‘efeito mínimo’ no andamento do projeto.

Tags:   · · · · · · 18 Comments