Para expressar a liberdade

Maria Frô - ativismo é por aqui

Maria Frô header image 4

Mais um absurdo dos coxinhas de jaleco mercenários da saúde do povo brasileiro

abril 11th, 2014 by mariafro
Respond

Mais uma vez CRM agindo de modo inconstitucional e contra os interesses da saúde do povo brasileiro. Nas propagandas do CFM e da AMB a auto-imagem vendida por eles está longe da prática deles, como mostra o CRM do Rio Grande do Sul que entrou com ação judicial pra cobrar tratamento diferenciado em internações. Eles são contra o Mais Médicos e contra o princípio básico do SUS, o atendimento universal, sem distinção a todos os brasileiros.

Via Twitter do Ministério da Saúde

O Conselho Nacional de Saúde (CNS) reuniu-se no dia 09 de abril, em Brasília, para discutir ação judicial movida pelo Conselho Regional de Medicina do Rio Grande do Sul (CRMRS), para autorizar os hospitais, que atendem aos usuários do SUS, a cobrança por atendimento diferenciado no internamento. Assim como o Ministério da Saúde, a maioria dos conselheiros se posicionou contra o recurso, baseado na Constituição que não admite atendimento diferenciado e determina a gratuidade a todos os usuários do SUS.

Tags:   · · No Comments.

MPL: Moradores do Marsilac criam linha de ônibus popular com tarifa zero

abril 10th, 2014 by mariafro
Respond

Essa se seu não estivesse com dengue iria até o extremo-sul da cidade pra descobrir: como se roda uma linha sem ônibus, sem combustível e com tarifa zero!

Moradores do Marsilac criam linha de ônibus popular com tarifa zero

Esta sexta-feira, 11/04, a comunidade da Ponte Seca, localizada no Marsilac, extremo sul de São Paulo, organizará ela mesma uma linha de ônibus popular e gratuita na região.

Atualmente os moradores da comunidade chegam a percorrer cerca de 15 km a pé por falta de transporte público. Esse tempo de caminhada não apenas é absurdo pelo esforço físico que exige, como inviabiliza o acesso aos postos de saúde, escolas, trabalho e a qualquer local de lazer, ou seja, impede que as pessoas tenham acessa à cidade.

Há um ano a comunidade luta pela criação de duas linhas de ônibus: Reserva/Embura e Mambu/Marsilac. E, após diversas reuniões, audiências públicas, insistência e luta da população, foi aprovada a criação da linha Mambú/Marsilac, cabendo à subprefeitura de Parelheiros a melhoria do sistema viário e a reforma da ponte em Mambú. No entanto, apesar da melhoria do sistema viário não ser um impeditivo para a criação da linha, uma vez que já circula pela região o transporte escolar e o caminhão de lixo, a linha Mambu/Marsilac nunca saiu do papel!

Cansada de andar até 2h30min a pé e de ser enrolada pelo poder público a população decidiu se organizar e ela mesma e colocar para circular por um dia a linha que deveria ter sido criada pela prefeitura. A comunidade da Ponte Seca – Marsilac irá mostrar que se o poder publico não faz, nós somos capazes de nos organizar e criar a linha de ônibus que precisamos, e com tarifa zero!

Concentração e atendimento à imprensa:
11/04, 9h da manhã, no salão em frente à UBS Don Luciano Bergamin (Estrada da Ligação, nº1 – Marsilac)

Tags:   · · No Comments.

XVIII Plenária Nacional do FNDC: Democratizar a democracia

abril 10th, 2014 by mariafro
Respond

XVIII Plenária Nacional do FNDC: Democratizar a democracia

Redação FNDC

Reunião acontece em Guararema (SP), entre os dias 25 e 27/04. Comitês regionais devem realizar suas Plenárias Estaduais até o dia 14/04.

Entidades filiadas ao Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação estarão reunidas, em Guararema (SP), para a XVIII Plenária Nacional do FNDC, entre os dias 25 e 27 de abril. A Escola Nacional Florestan Fernandes, construída e mantida por movimentos sociais, foi o espaço escolhido para os debates, avaliações, troca de experiências e confraternização das organizações.

Com o tema Democratizar a Democracia, a XVIII Plenária Nacional do FNDC pretende fazer um balanço das atividades realizadas pelo Fórum no último ano e traçar estratégias de ampliação de sua atuação na articulação e mobilização por políticas de comunicação democráticas no Brasil. A Plenária ainda elegerá a nova Coordenação Executiva e o Conselho Deliberativo do Fórum.

Poderão participar da reunião delegados/as indicados/as por entidades filiadas ao FNDC e observadores/as. As inscrições estão abertas até às 18h do dia 14/04. Mais informações na convocatória.

O FNDC avalia que a democratização das comunicações ganhou a agenda das ruas em 2013, a partir dos protestos específicos pedindo mais liberdade de expressão em todo o país. “O FNDC também contribuiu para construir esses momentos e hoje a pauta de um novo marco regulatório se espalha progressivamente, fortalecendo o aprofundamento da ‘democratização da democracia’ em nosso país”, diz o texto base do balanço da entidade. A Lei da Mídia Democrática é uma das principais lutas atuais do FNDC e mobiliza diversos atores na coleta de assinaturas necessárias para levar o projeto à Câmara dos Deputados.

Para Rosane Bertotti, coordenadora-geral do Fórum, a organização impulsiona uma luta que perpassa diversos campos da sociedade. “Várias entidades que não têm ligação histórica com o tema da comunicação entenderam que lutar contra os monopólios midiáticos e pela liberdade de expressão é fundamental para alcançarmos uma democracia plena”, afirmou. “A Plenária é também um momento importante de diálogo com essas organizações e um espaço para o FNDC estreitar laços com os Comitês Regionais, absorvendo suas pautas na elaboração de nossa estratégia de ação”, completou.

Entre as diretrizes que devem compor o Plano de Ação 2014-2015 do FNDC e que serão objeto de estudo e debate durante a Plenária, estão a luta por um novo Marco Regulatório das Comunicações; por uma Internet livre e democrática; pelo fortalecimento da Comunicação Pública; por telecomunicações a serviço da maioria do povo brasileiro; por uma radiodifusão comunitária forte e democrática; pelo Canal da Cidadania, um canal estratégico para a luta pelo direito à comunicação; pela implantação e consolidação dos Conselhos de Comunicação; Apoio a todas as formas de Mídias Livres e Alternativas; por um Rádio Digital eficiente e democrático; por um jornalismo de qualidade, com profissionalismo, ética e responsabilidade; e pela garantia da qualidade do conteúdo na mídia brasileira.

Plenárias Estaduais

Os Comitês Regionais pela Democratização da Comunicação devem fazer suas Plenárias Estaduais até o dia 14 de abril, prazo final das inscrições. Na ocasião, vão escolher os/as delegados/as que participarão da Plenária Nacional e debaterão as teses-guia que já estão disponíveis no site.

Também estão disponíveis os requerimentos de inscrição de Delegados/asObservadres/as Individuais e Observadores/as Indicados.

Tags:   · · No Comments.

Íntegra da segunda entrevista que Lula deu aos blogueiros

abril 9th, 2014 by mariafro
Respond

O ex-presidente Lula realizou ontem um debate com a blogosfera progressista, transmitido ao vivo, inclusive neste blog. Esta blogueira foi convidada, mas por motivos de saúde (estou com dengue!) não pude comparecer.

Foram mais de 13 mil expectadores assistindo a transmissão ao vivo  que durou mais de três horas.

Lula falou de diferentes temas ao ser sabatinado, a começar por negar ser candidato e declarar seu apoio à reeleição da presidenta Dilma.

O ex-presidente defendeu a reforma política, comemorou a aprovação no Congresso do Marco Civil.

Falou do papel do Estado na economia, do controle da inflação, do legado da Copa do Mundo; da gestão da Petrobras, sobre nossa matriz energética, sobre saúde e a perda de recursos da CPMF.

Defendeu o legado das políticas sociais de seu governo continuadas no governo Dilma, incluindo milhões de famílias que viviam à margem das riquezas produzidas no país.

Falou de política externa, das mudanças do Brasil nas relações com a Ásia, a África e América Latina.

Falou das manifestações de junho, fez comparações pertinentes com sua época de sindicalista e as reivindicações dos anos 80.

Falou sobre o julgamento do mensalão e o papel da mídia na criminalização do partido. Defendeu que o PT faça formação política e faça disputa hegemônica, criticou a mídia partidarizada, dentre outros assuntos relevantes.

Se você perdeu, veja na íntegra e não leia a mídia bandida que deturpa, distorce, retorce e cria factóides apenas para defender seus próprios interesses financeiros.


E também aqui:

Leia Mais

Mídia bandida mente descaradamente sobre entrevista de Lula aos blogueiros

Blogueiros entrevistam o ex-presidente Lula

Tags:   · · 5 Comments